Um funcionário do Conselho de Segurança Nacional (NSC) da Casa Branca foi despedido, depois de criticar, durante meses, o Governo de Barack Obama na rede social Twitter. A informação foi divulgada na terça-feira pela imprensa norte-americana.

Durante meses, Jofi Joseph usou o Twitter para criticar funcionários da Casa Branca: o secretário de Estado, John Kerry, o assessor adjunto de segurança nacional do presidente, Ben Rhodes, assim como o antigo assessor de segurança nacional, Tom Donilon.

Após uma investigação interna, as autoridades norte-americanas descobriram que tinha sido Joseph a criticar o Governo de Obama sob o pseudônimo @NatSecWonk, de acordo com a revista «The Daily Beast».

Jofi Joseph fazia parte da equipa de negociação do programa nuclear do Irão.

O perfil da rede social Twitter foi entretanto desativado.