Duas crianças foram esfaqueadas num elevador, em Brooklyn, Nova Iorque, nos EUA, pelas 18:00 de domingo, quando regressavam a casa depois de terem ido comprar gelados.

Uma das crianças, um rapaz de seis anos, foi declarada morta no hospital, enquanto a outra, uma rapariga, de sete anos, permanece em estado crítico.

Uma das vizinhas da família disse ao «New York Times» que viu a menina no corredor do prédio após o ataque cheia de sangue.

A mãe do menino, já no hospital, estava em estado de choque.

O suspeito, descrito pela polícia como um homem corpulento, de cerca de 20 anos, fugiu a pé.