“Temos que aprender a movimentarmo-nos à mesma velocidade, ou mais rápido, que as organizações terroristas. É um grande desafio para as autoridades, para a sociedade civil e para as empresas. Devemos encontrar um equilíbrio entre a garantia das liberdades e da privacidade na rede e a necessidade de proteger a vida de todos os cidadãos.”