O aumento dos furtos de telemóveis levou o governo da Coreia do Sul a tomar medidas. O ministro da Ciência fez publicar um decreto que vai obrigar as empresas que fabricam telemóveis a incluir uma nova função de segurança, um «botão de autodestruição», escreve o jornal «The Korea Times».

Esta nova funcionalidade vai permitir aos utilizadores «desligarem» os seus aparelhos caso os percam ou eles sejam roubados. Dessa forma, os telefones ficam inutilizados. Ninguém mais poderá funcionar com eles.

Todos os smartphones que saírem das fábricas vão ter de incluir, a partir de agora, o «kill switch» (botão de autodestruição). As gigantes tecnológicas Samsung Electronics e LG Electronics já responderam positivamente ao pedido.