Desde segunda-feira que há mais aparelhos móveis ligados no mundo do que pessoas. Os dados são da GSMA Intelligence, uma empresa que faz medições relacionadas com as telecomunicações, e mostram que o número de aparelhos móveis com uma conexão ativa é superior ao da população mundial, ao ultrapassar os 7,2 mil milhões.

A GSMA Intelligence, que também fornece um contador em tempo real das conexões móveis no mundo, revela que mais de 3,5 mil milhões de pessoas têm pelo menos um telemóvel ou tablet com uma ligação ativa.
De acordo com o jornal britânico «The Independent», os aparelhos móveis multiplicam-se agora a um ritmo cinco vezes superior ao das pessoas. Sendo que a população humana cresce a um ritmo de aproximadamente duas pessoas por segundo.

«Nenhuma outra tecnologia teve tanto impacto em nós como o telemóvel. A tecnologia de dispositivos móveis tem tido um crescimento incomparável», sublinha Kevin Kimberlin, CEO da Spencer Trask & Co., a empresa de telecomunicações que chamou atenção para estes dados. «É o fenómeno de fabrico humano com o crescimento mais rápido de sempre - de zero a 7,2 mil milhões em três décadas», acrescenta.

Em comunicado, a empresa Spencer Trask realça que é importante contextualizar os dados: mais de metade da população mundial não possui um dispositivo móvel. Além disso, os dados de contabilização da GSMA incluem na contagem alguns aparelhos que se ligam apenas com outras máquinas, e que não são, portanto, nem telemóveis nem tablets. As ligações máquina-com-máquina aproximam-se dos 250 milhões.