Investigadores de Hong Kong, Macau e Taiwan obtiveram resultados promissores com um composto químico para tratar o cancro de pele, informa hoje o jornal South China Morning Post.

Uma equipa formada por investigadores da Universidade Baptista de Hong Kong, da Universidade de Macau e da Universidade Médica de Kaoshiung (Taiwan) descobriram, em experiências laboratoriais, que injeções de ródio - elemento químico pertencente à classe dos metais - podem inibir o desenvolvimento de cancro de pele.

Os cientistas reivindicam terem sido os primeiros a descobrir e a provar a função do composto metálico no tratamento de cancro de pele.