O planeta Terra vai passar na manhã deste sábado entre a Lua e o Sol, completando um dos mais curtos eclipses lunares registados recentemente. O eclipse total durará aproximadamente cinco minutos e será mais visível na Austrália e na Ásia Ocidental.  

Este é o terceiro de quatro eclipses que pertencem a uma série de fenómenos lunares. O primeiro realizou-se em abril do ano passado e o último será em setembro deste ano.  

Inicialmente a lua deverá ganhar uma cor avermelhada, a chamado «lua sangrenta», causada pela forma como a luz é refletida e também pela posição do astro em relação à Terra nesse momento de rotação.

O evento durará 1:45, mas só a meio é que o eclipse será total. Terá início no Pacífico, no sábado, por volta das 3:16 (hora local) ou na sexta-feira, no Reino Unido, às 18:16 (hora local).

Muitas pessoas, nomeadamente quem está na Europa, incluindo Portugal, não poderão assistir ao eclipse e por isso a NASA irá publicar fotos e estará disponível para responder às perguntas dos mais curiosos.