O fundo de inovação Digital News Initiative (DNI) atribuiu 1,4 milhões de euros a cinco projetos de jornalismo digital em Portugal, na sua quinta ronda de financiamento, anunciou a Google. nesta terça-feira. O projeto L.I.A. - Live Interactive Agent da Media Capital Digital é um dos projetos vencedores que será financiado pelo Fundo DNI. Além da  Media Capital, a Cofina, o Observador, o Diário de Notícias e a startup The Mosted também vão receber financiamento nesta quinta ronda.

O projeto L.I.A. consiste em soluções de vídeo digital em direto para os jornalistas no terreno, uma plataforma de gestão de vídeos com funções interativas e um algoritmo único, criado por engenheiros portugueses, para gerir as audiências e melhor monetizar o conteúdo. Segundo a Media Capital, este projeto vai melhorar a experiência dos utilizadores nos websites e apps, trazendo também uma maior oferta de conteúdo. 

 

Em 2015, a Google lançou o Fundo DNI (Digital News Innovation Fund), um fundo de 150 milhões de euros para apoiar o jornalismo de alta qualidade através de tecnologia e inovação. Depois de quatro edições de sucesso e inúmeros projetos transformadores em toda a Europa, foram hoje anunciados os projetos que serão financiados nesta quinta edição: 21.2 milhões de euros irão apoiar 98 projetos em 28 países europeus.

 

O fundo DNI é um programa europeu da Google News dirigido ao jornalismo na era digital, com um compromisso de 150 milhões de euros para iniciar e desenvolver projetos inovadores dentro do ecossistema de notícias.

Desde a primeira ronda, em fevereiro de 2016, o fundo de inovação já atribuiu a Portugal cerca de 7,187 milhões de euros.

Projetos vencedores

A dona da TVI vai desenvolver um projeto de vídeo interativo, o Observador e a Cofina apostam no áudio, o Diário de Notícias vai desenvolver uma plataforma de viagens e o The Mosted é um protótipo que visa ajudar os jornalistas a escrever melhor as notícias. A Media Capital, Cofina e Observador avançam com grandes projetos, o Diário de Notícias é um médio projeto e o The Mosted é um protótipo. Os valores desagregados de cada projeto não foram divulgados (o total financiado é 1,418 milhões de euros).

A quinta ronda do DNI conta com 98 projetos de 28 países europeus, num financiamento de 21,2 milhões de euros.

Este valor coloca o total de financiamento até ao momento nos 115,2 milhões de euros. Destes 98 projetos financiados, 39 são protótipos (projetos num estado inicial que requerem até 50.000 euros de financiamento), 29 são projetos de média dimensão (projetos que requerem financiamento até 300.000 euros) e 30 são grandes projetos (até um milhão de euros de financiamento)", refere o fundo, em comunicado.

"Na quinta ronda de financiamento recebemos 820 candidaturas de 29 países provenientes de startups de media e players tradicionais, publishers online, 'broadcasters' áudio e de vídeo, revistas e do meio académico", acrescenta.

Desde fevereiro de 2016, analisámos mais de 4.500 candidaturas, realizámos mais de 1.200 entrevistas com líderes de projetos e proporcionámos a 559 candidatos de 30 países um total de 115,2 milhões de euros", concluiu.