Facebook vai oferecer aos utilizadores uma ferramenta que permite a partilha de conteúdo, que permanece no perfil apenas por 24 horas, tal como acontece na rede social Snapchat.

Alguns utilizadores já estão a testar a nova funcionalidade, que é chamada de 'atualizações rápidas', ou seja, algumas publicações podem ter uma esperança média de vida de 24 horas e, ao fim desse tempo, desaparecem do perfil de quem as partilhou, como se nunca tivessem existido.

Em algumas circunstâncias, a ideia até pode dar jeito aos utilizadores, no entanto, não deixa de ser uma cópia do Snapchat, que permite partilhar uma fotografia ou vídeo, com a duração de dez segundos. Completo um dia, o conteúdo expira e não deixa qualquer registo. 

A empresa de Mark Zuckerberg tem no histórico algumas adaptações de outras redes sociais, que atualizam o Facebook em função da tendência que os utilizadores apresentam em determinada altura. 

Por exemplo, quando surgiu o Periscope - uma rede social que permite fazer livestreaming - o Facebook percebeu o sucesso entre os internautas e não demorou muito tempo a incorporar os 'diretos' na aplicação. 

Entre os utilizadores das redes sociais, a principal motivação para esta mais recente atualização é o facto de permitir aos utilizadores a partilha de conteúdos de forma mais "genuína" e "autêntica". A rede social espera que os utilizadores partilhem conteúdo de forma mais impulsiva, porque passado umas horas... desaparece.