O ex-presidente francês François Hollande defendeu esta terça-feira a necessidade de a Europa criar “um modelo de interesse geral” comum, de forma a mobilizar o continente num contexto de transformação tecnológica.

À escala da Europa é preciso criar um modelo de interesse geral. Desde logo, a primeira dificuldade é definir o que é um serviço público, o que é uma atividade de interesse geral. E proteger essa atividade de interesse geral. Depois, suprimir as barreiras que podem criar constrangimentos e travar o progresso”, disse, na Web Summit, a decorrer em Lisboa.

A Web Summit decorre até quinta-feira, no Altice Arena (antigo Meo Arena) e na Feira Internacional de Lisboa (FIL), em Lisboa.

Um anel inteligente que se sincroniza ao telemóvel e que faz pagamentos bancários apenas com um aceno de mão foi uma das ideias expostas, esta terça-feira, pelas centenas de empresas que diariamente procuram investidores na conferência.

 

Tal como a robô Sophia, apresentada aqui:

 

 

E futebol?

Pedro Proença esteve na Web Summit e abriu a manhã desportiva a falar da tecnologia que a Liga de Clubes tem implementado em Portugal: o E-Liga. Este sistema informático que liga clubes, árbitros, observadores e adeptos tem sido um sucesso, diz o Presidente da Liga.

Outra tecnologia falada foi a do vídeo-árbitro e, embora Proença não quisesse tocar no assunto, voltou a elogiar o sistema:

A introdução do VAR tem de ser elogiada por todos, porque somos uma das 5 Ligas que temos este meio tecnológico. Temos de falar pelo lado positivo. Se não tivessemos VAR que discussões teríamos? Sabíamos que teríamos de passar por esta fase de implementação. Temos de dar tempo e é fundamental que o tempo seja dado."

 

Quem também esteve presente na Web Summit foi Bruno de Carvalho, presidente do Sporting Clube de Portugal:

 

 

E a Night Summit?

E se durante o dia, os participantes se reúnem no Altice Arena, a TVI24 foi conhecer o destino dos participantes da conferência ao cair da noite.