O Parlamento Europeu aprovou esta quinta-feira uma revisão de uma diretiva para que os telemóveis colocados no mercado passem a ser compatíveis com um carregador comum, simplificando a utilização dos equipamentos e reduzindo os resíduos.

O texto da diretiva já foi acordado entre o Parlamento Europeu e os governos nacionais, devendo ser formalmente aprovado pelo Conselho de Ministros da União Europeia nos próximos meses, tendo sido aprovada esta alteração em Estrasburgo com 550 votos a favor, 12 contra e oito abstenções.

Os Estados-Membros terão depois dois anos para transpor as novas regras para a legislação nacional e os produtores terão um ano adicional para se adaptarem às novas disposições.

«Os telemóveis colocados no mercado deverão ser compatíveis com um carregador comum», refere o texto aprovado.

Os eurodeputados defendem que a interoperabilidade entre equipamentos de rádio e acessórios, como os carregadores, simplificaria a sua utilização e reduziria os resíduos e custos desnecessários para os consumidores.