Um investigador de segurança britânico descobriu um «bug» no Facebook e ganhou perto de 20 mil euros de recompensa. A falha de segurança permitia aceder a qualquer conta da rede social através de uma mensagem de texto. Jack Whitton informou a empresa e recebeu por isso.

O engenheiro de sistemas que trabalha como investigador nos tempos livres fez a descoberta no final de maio. O jovem descobriu que podia enganar o Facebook e fazer com que estes enviasse para o seu telemóvel um código de recuperação de password de qualquer conta.



Uma possibilidade que abria as portas a que qualquer conta, com um número de telemóvel associado, fosse pirateada.

O caso foi reportado ao Facebook que solucionou o problema cinco dias depois. A falha poderia ter representado uma porta de entrada para hackers com fins criminais ou para encetar ataques de phishing.

Um risco que o Facebook acabou por reconhecer, através de um programa que incentiva os «piratas brancos» (hackers que encontram falhas na Internet e as reportam às autoridades).