Dois adolescentes estão presos em Marrocos, desde quinta-feira, por atentado ao pudor. O casal de namorados partilhou no Facebook a fotografia de um beijo e foi detido pelas autoridades sob acusação de incitar outros jovens ao mesmo comportamento.

«Trata-se de um adolescente e a sua namorada. Foram detidos na quinta-feira por atentado ao pudor público, depois de terem partilhado uma foto a beijarem-se», disse à AFP Chakib Al Khayari, presidente da Associação Rif de Direitos Humanos. A foto foi tirada diante da escola onde ambos estudam, em Nodar, a cerca de 500 quilómetros a nordeste da capital Rabat.

De acordo com Al Khayari, o rapaz e a rapariga foram levados para um centro de detenção de menores e deverão ser apresentados a um juiz no dia 11 de outubro.

A reação não se fez esperar. Não só a foto dos namorados foi partilhada milhares de vezes nas redes sociais, como outras, de outros casais, foram publicadas. Também tiveram lugar ações de protesto e outras estão planeadas.

Na sexta-feira, jovens marroquinos concentraram-se diante do local onde o casal está detido, a exigir a libertação. Para este domingo, está a ser convocado um «beijo gigante» diante da embaixada de Marrocos em Paris.