O Instagram anunciou esta quarta-feira ter atingido 300 milhões de registos na rede social. Neste momento, ultrapassou o Twitter que tem cerca de 284 milhões de usuários.

O Facebook tem cerca de 1,35 mil milhões de contas registadas e, em 2012, comprou o Instagram.

Kevin Systrom, diretor executivo da empresa, disse à BBC que o Instagram está para além de ser uma mera rede social. «O Instagram é sobre a visão do mundo tal qual ele é. Já não se trata somente de tirar uma fotografia a uma bebé ou um cão fofinhos».

Para o responsável, este é o momento em que «precisamos descobrir como tirar uma foto de forma a contribuir para a transmissão mundial de imagens e informação».
 
 


O Instagram tem vindo a reforçar as regras de segurança. «Queremos que os usuários sejas reais e certificamo-nos que nas pessoas não estão a seguir contas spam ou falsas», afirmou o diretor executivo. Por isso, neste momento já é possível denunciar contas inapropriadas como «spam», à semelhança do que já acontece no Facebook. Em consequência desta limpeza, Systrom alerta que algumas pessoas podem ver reduzido o número de seguidores.

Foi em outubro de 2010 que Kevin Systrom e Mike Krieger criaram o Instagram. Desde essa altura o crescimento da rede social tem sido avassalador. Em fevereiro de 2013, a empresa já tinha alcançado 100 milhões de usuários ativos por mês.