Um restaurante em Bombaim, a cidade com maior densidade populacional da Índia, entregou no passado dia 11 uma pizza ao domicílio transportada por um drone.

A Francesco ¿s Pizzeria, no sul de Bombaim, inspirou-se na notícia de que o gigante de vendas americano online Amazon está a planear usar drones, veículos aéreos de controlo remoto para entregas e decidiram tentar o mesmo para ultrapassar o difícil tráfego da cidade.

«Realizámos com êxito uma entrega ensaio a um cliente, a 1,5 quilómetros de distância da nossa loja», afirmou o chefe executivo da Francesco's Pizzeria, Mikhel Rajani à agência de noticias Press Trust of India (PTI).

«O que fizemos irá tornar-se comum nos próximos quatro a cinco anos» disse Rajani, acrescentando que os drones feitos por encomenda, de quatro rotores, custam perto de 1.460 euros.

A viagem do drone foi filmada pela pizaria que divulgou o vídeo no Youtube, em que mostra o aparelho a transportar a piza sobre lojas, pessoas a jogar cricket e pela linha costeira de Bombaim, até aterrar no telhado de um prédio de vários andares.

Rajani acredita que o teste vai abrir caminho para um serviço mais rápido e mais barato do que o que é oferecido pelos habituais monociclos, acrescentando que existem alguns problemas como a duração das baterias, que atualmente apenas funcionam durante 8 quilómetros e a interdição de voos de drones sobre instituições de segurança.

A polícia de Bombabim afirmou que vai investigar a falta de informação de realização do teste.

«Segundo as normas, são necessárias permissões para o voo de qualquer objeto», declarou o Comissário da polícia de Bombaim, Madhukar Pandey.

«Somos muito sensíveis a qualquer tipo de objeto que voe por controlo remoto», afirmou, Pandey à agência PTI.

Pensa-se que esta foi a primeira vez que um drone foi usado com fins comerciais na Índia. No Reino Unido, uma sucursal da cadeia de pizarias Domino ¿s Pizza partilhou em 2013 um vídeo no Youtube. em que mostrava um drone aparentemente a fazer uma entrega ensaio.