O observatório de raios-X Chandra da NASA mostrou uma nuvem de gás numa galáxia a cerca de 60 milhões de anos-luz da Terra, causada pela colisão entre duas galáxias.

Esta descoberta pode marcar a primeira vez que tal colisão é detetada apenas em raios-X e pode ter implicações para o conhecimento das galáxias e a da forma como elas crescem, avança o site oficial da NASA.

Uma imagem que combina raios-X e luz ótica mostra o momento do acidente astral. O impacto criou uma onda que originou um gás a temperaturas a rondar os seis milhões de graus. O satélite Chandra revela, a lilás, como o gás aparenta ter a forma de um cometa.