Um inventor de Taiwan criou uma máquina fotográfica de papel e espera conseguir revolucionar o mercado das máquinas digitais. A câmara digital é semelhante às máquinas digitais já existentes, mas em papel.

George Lin fundou a Papershoot Company e candidatou-se ao registo da patente, em Taiwan, na China e nos EUA. A câmara custa cerca de 40 euros, metade do preço das máquinas digitais convencionais e segundo o inventor tem as mesmas funções.

A câmara permite tirar fotografias com três megapixels e funciona com um cartão micro SD. A grande falha parece ser mesmo a ausência de flash que só permite tirar fotografias quando existirem boas condições de luz.