A Uber vai lançar, nas próximas semanas, um programa piloto de condução automática nas ruas de Pittsburgh, nos Estados Unidos, mais uma experiência que o setor automóvel está a realizar para aperfeiçoar a tecnologia dos veículos autónomos.

Embora a experiência seja da Uber, empresa que tem estado a revolucionar o modelo de negócio dos táxis em vários países, grande parte do teste é responsabilidade da Ford, que em finais de abril iniciou uma parceria com a empresa para avançar com a condução automática.

O teste da Uber vai desenvolver-se nas ruas de Pittsburgh, usando um carro da marca e o Centro de Tecnologias Avançadas da Uber. O objetivo é circular pela cidade sem condutor, mas o veículo terá uma pessoa ao volante durante os testes por questões de segurança.