Um grupo de 58 pessoas foi detido nas Filipinas por alegado envolvimento numa rede global de «extorsão» que utilizava conteúdos de carácter sexual, anunciaram esta sexta-feira a polícia local e a Interpol em conferência de imprensa.

Vítimas no estrangeiro têm sido aliciadas por pessoas nas Filipinas a enviarem pela internet fotos ou vídeos sexualmente explícitos delas próprias, acabando depois chantageadas em milhares de dólares, disseram as autoridades.