Um tailandês foi detido por ter feito “like” numa foto manipulada do rei e por partilhar uma infografia no Facebook sobre um escândalo de corrupção, informou hoje o exército.

“A 2 de dezembro, ele clicou ‘like’ numa foto manipulada do rei e partilhou-a com 608 amigos”, disse hoje à agência AFP, o coronel Burin Thongprapai, representante da junta militar no poder, ao justificar a acusação contra o homem, um operário da indústria automóvel, de 27 anos, identificado como Thanakorn Siripaiboon, detido, na terça-feira, em Samut Prakan, perto de Banguecoque.

O jovem, que arrisca até 32 anos de prisão por lesa-majestade, sedição e crimes informáticos, por ter publicado no Facebook uma infografia que explica as ramificações de um caso de corrupção que embaraça a junta militar, confessou, segundo o mesmo responsável.