Chamam-lhe GU psc b, está a 155 anos-luz da Terra e conseguiram fotografá-lo. Imagens raras de um exoplaneta, até hoje foram poucas as imagens capturadas de planetas na órbita de outras estrelas que não o Sol.

Um grupo de astrónomos no Canadá, liderados pela universidade de Montréal, recorreu a vários telescópios para captar imagens do GU psc b. Fica na constelação de Peixes e está duas mil vezes mais longe da sua estrela, GU Psc, do que a Terra do Sol.

É um enorme planeta gasoso como Júpiter, mas com 9 a 13 vezes mais massa, estimam os modelos teóricos a que os cientistas recorreram, e que concluem também que terá uma temperatura a rondar os 800º.

Uma das dificuldades de fotografar estes planetas prende-se com o facto de ficarem ofuscados pela luz da sua estrela. Neste caso, a enorme distância a que o GU psc b está da sua facilitou.