A nave espacial Soyuz, com três tripulantes a bordo, aterrou esta quarta-feira, sem contratempos, nas estepes do Cazaquistão, informou a NASA.

A cápsula, que aterrou às 02:59 (hora de Lisboa), fez regressar a Terra, o japonês Koichi Wakata, o russo Mikhail Tyurin e o norte-americano Rick Mastracchio, ao fim de uma missão de seis meses na Estação Espacial Internacional.

O regresso à Terra, após uma missão iniciada a 07 de novembro do ano passado, coincide com o anúncio da Rússia de não manter a Estação Espacial Internacional (EEI) após 2020, como propõem os Estados Unidos.