Foi lançado, no início do mês, o serviço que permite juntar jogadores de Pokémon Go. "PokéDates" é a nova proposta da startup Project Fixup que pretende tornar a tarefa de "apanhá-los todos" numa forma de conhecer pessoas novas e, quem sabe, até um novo companheiro.

Para participar nesta aventura, o jogador tem apenas de se registar no site do serviço e responder a um breve questionário sobre os seus interesses. O registo não tem qualquer custo e, a partir das respostas do questionário, a Project Fixup encarrega-se de o "emparelhar" com um outro jogador. O primeiro encontro é grátis, os seguintes têm um custo de aproximadamente 18 euros cada.

As combinações de jogadores são feitas por trabalhadores da empresa e não por algoritmos de computador.

Uma vez que Pokémon Go se tem revelado o maior êxito dos jogos de realidade aumentada dos últimos tempos, muitas foram as empresas que decidiram investir em projetos relacionados com o jogo.

Tal como noutros serviços e apps de encontros, como o Tinder, só os utilizadores que se revelam compatíveis é que podem marcar encontros. Neste novo serviço, esses encontros terão lugar em "Pokéstops" e "Gyms", mas sempre em lugares físicos.

A startup já é experiente no arranjo de encontros, sendo conhecida especialmente pelos temas que utiliza, tais como passeios de bicicleta ou provas de vinho.