É um novo record para a Geologia, cientistas encontraram na região da Pilbara, na Áustria Ocidental, aquele que é o fóssil mais antigo do mundo.

Especialistas afirmam que os vestígios, encontrados em rochas, têm cerca de 3.49 milhões de anos. Ou seja, quando surgiram, a Terra tinha pouco mais de um bilião de anos.

Esta nova descoberta pode ajudar os cientistas a chegar mais perto daquilo que foram os primeiros anos na Terra, assim como, aprofundar conhecimentos sobre a possibilidade de vida noutros planetas.

Os fósseis estão em bom estado e estão agora expostos e disponíveis para exame. Maud Walsh, cientista da Louisiana State University, acredita que possam haver fósseis mais antigos, mas garante que «estas são as rochas sedimentares mais bem preservadas que conhecemos, as mais prováveis para preservar as minúsculas estruturas e os produtos químicos que conseguem evidenciar a presença de vida»