A agência espacial norte-americana tem uma nova missão: criar um dispositivo para afastar os asteroides que passem perto do planeta Terra. O conceito tem o nome de DART (Teste de Redireccionamento de Asteroides Duplos) e passou a fase de projeto preliminar, após a aprovação da NASA a 23 de Junho.

O DART seria a primeira missão da NASA a demonstrar a técnica do pêndulo cinético – de forma a atingir o asteroide para mudar sua trajetória - para defender o planeta Terra de um possível embate", afirmou Lindley Johnson, oficial de defesa planetária da sede da NASA em Washington.

DART já tem um alvo escolhido: um asteróide que está previsto se aproximar da Terra em Outubro de 2022 e, ainda, em 2024.

O asteroide tem o nome de Didymos e é composto por dois corpos, o Didymos A, com cerca de 800 metros de tamanho e um asteroide menor em órbita chamado Didymos B, com cerca de 160 metros. O projeto DART atingiria apenas o mais pequeno, neste caso o Didymos B.

"O DART é um passo importante na demonstração de proteção do nosso planeta de um futuro impacto de asteroides", disse Andy Cheng, do Laboratório de Física Aplicada Johns Hopkins em Laurel, Maryland, o co-diretor da investigação do DART.

O planeta Terra é todos os dias atingido por pequenos asteroides que vão danificando a atmosfera. Os objetos grandes podem causar danos na superfície terrestre. No entanto, são raras as vezes que isso acontece.