Tudo aponta para que o novo iPhone 6 seja o modelo mais resistente lançado, até agora, devido à utilização de cristal de safira no ecrã em vez do atual material, o Gorila Glass - um vidro de álcali-aluminossilicato. Em fevereiro, a gigante norte-americana terá gasto mais de 400 milhões de euros na compra deste material.

Atento a estes rumores, Marques Brownlee decidiu comprovar por si mesmo a resistência do material. Brownlee sujeitou aquilo que ele afirma ser um ecrã do novo iPhone 6, com 4.7 polegadas, a quase todas as formas possíveis de causar estragos: tentou danifica-lo com umas chaves, depois com uma faca e ainda o dobrou mais de 90 graus. O resultado? A superfície permaneceu intacta, sem qualquer dano.

A Apple já usou cristal de safira na câmara do iPhone e no sistema de reconhecimento por impressões digitais, mas esta poderá ser a primeira vez que o mineral é usado em grande escala.

O material deverá estar presente nos dois modelos esperados para Setembro, um com 5.5 polegadas e o outro com 4.7 polegadas.