O Presidente da República, Cavaco Silva, lamentou esta quinta-feira a «perda» do fundador da Apple, destacando que o seu «talento inventivo» e a sua «criatividade ímpar» mudaram o mundo, escreve a Lusa.

«O talento inventivo de Steve Jobs e a sua criatividade ímpar mudaram radicalmente o modo como, nos nossos dias, lidamos quotidianamente com a tecnologia. A sua morte é, sem dúvida, uma perda. Mas o seu exemplo e o seu legado perdurarão por muitos anos», afirma Cavaco Silva numa mensagem colocada na sua página na rede social Facebook.

Para o Presidente da República, «o mundo ficou diferente depois de Steve Jobs passar por ele».

«Há homens que criam mundos novos ¿ ou que mudam o mundo, tal como o conhecemos. Por isso os admiramos, como génios visionários, como personalidades que foram capazes de antecipar o futuro, trazendo-o para o presente de milhões de seres humanos», lê-se ainda no mesmo texto.

Steve Jobs, co-fundador da Apple, morreu na quarta-feira, aos 56 anos, vítima de cancro no pâncreas.