A agência de exploração espacial japonesa (JAXA) anunciou esta quarta-feira ter lançado com êxito um satélite de observação espacial para estudar buracos negros.

O satélite 'ASTRO-H', desenvolvido conjuntamente pela JAXA, pela agência espacial norte-americana (NASA) e outros grupos, vai ficar em órbita a cerca de 580 quilómetros de altitude para observar os raios-X emitidos principalmente por buracos negros e grupos de galáxias.

O satélite foi transportado pelo foguetão japonês 'H-ITA', lançado a partir do centro espacial de Tanegashima, no sul do país.