O Ministério da Cultura chinês publicou uma lista negra de 120 canções que devem ser retiradas da Internet por difundirem a “obscenidade, violência, crime ou imoralidade social”.

Segundo um comunicado do ministério, as músicas não podem ser  transmitidas online por qualquer indivíduo ou organização.

Nenhum indivíduo ou organização terá permissão para a transmissão online desta centena de títulos que “fazem apologia à obscenidade, violência, crime e violam a moral pública", divulgou num comunicado o Ministério chinês da Cultura, citado pela France Presse.

As canções proibidas são cantadas em mandarim, algumas das quais interpretadas por artistas populares como os taiwaneses Stanley Huang ou Chang Csun Yuk, autor de músicas controversas "Fart" e "I Love Taiwanese Girls". Entre as músicas proibidas figuram maioritariamente títulos que se traduzem como "Todos devem morrer", "Sem amigos, sem dinheiro" ou "Não quero ir para a escola".