O Boeing 757 dos Transportes Aéreos de Cabo Verde (TACV), que fazia segunda-feira a ligação Cidade da Praia/Lisboa, regressou à capital cabo-verdiana pouco depois de ter levantado voo, devido a uma avaria que acabou por ser reparada.

Segundo a edição online do semanário cabo-verdiano A Semana, que cita o director de manutenção dos TACV, João de Pina, pouco depois de levantar voo acendeu-se uma «luz de alerta», que levou o piloto a avisar as autoridades aeronáuticas da situação.

João de Pina adiantou, porém, que a avaria «era mínima» mas, uma vez que o aparelho acabara de fazer a ligação entre Fortaleza (Brasil) e a Cidade da Praia, os técnicos entenderam pedir ao comandante do avião para regressar ao Aeroporto Internacional da Praia.

«O aparelho tinha descolado havia cerca de 10 minutos quando uma luz no painel de controlo acendeu. O piloto reportou os problemas aos técnicos e estes aconselharam-no a retornar ao aeroporto para reparar a avaria. Foi por uma questão de precaução», realçou o director de manutenção dos TACV.

João de Pina adiantou que o voo foi retomado após a equipa técnica resolver o problema, na manhã de segunda-feira.