A PSP anunciou esta sexta-feira a detenção de cinco suspeitos da prática do crime de furto e violência sobre a proprietária e funcionárias de um estabelecimento comercial de Vila Real.

Segundo informou a polícia, em comunicado, os suspeitos são duas mulheres e três homens, com idades compreendidas entre os 18 e os 24 anos.

A PSP explicou que os indivíduos, “em comunhão de esforços e usando manobras de distração, começaram a subtrair alguns artigos do interior do estabelecimento, saindo para os depositar no veículo que os transportou”, e que estava estacionado perto do local.

Alertadas pelas câmaras de vigilância, funcionárias e a proprietária da loja ainda tentaram impedir os furtos, no entanto, de acordo com a polícia, acabaram por ser agredidas e empurradas para que os suspeitos pudessem concretizar a fuga.

A PSP disse, ainda, que um dos suspeitos “chegou mesmo a exibir uma navalha na direção de uma das funcionárias para conseguir fugir”.

Pelo local passavam dois agentes de autoridade à civil, que, ao aperceberem-se da situação, intervieram e manietaram os suspeitos até à chegada da viatura policial.

Aos detidos foram apreendidos os artigos furtados, as armas brancas de que eram possuidores e a viatura utilizada.

Os suspeitos foram presentes ao Tribunal da Comarca de Vila Real, para primeiro interrogatório judicial, tendo sido aplicada a todos eles a medida de coação de apresentações periódicas semanais às autoridades.