Um homem de 42 anos foi detido, em Esposende, por ser suspeito de violência doméstica sobre a ex-mulher. Um caso de um reincidente no crime.

Em comunicado, a GNR refere que, na noite de sexta-feira, o homem se dirigia, de carro, à residência da ex-mulher, na posse de uma arma branca e com um “comportamento violento”.

A GNR intercetou-o e submeteu-o a teste de alcoolemia, que acusou uma taxa de álcool no sangue de 3,58 gramas por litro.

A arma branca estava “dissimulada” debaixo do tapete do veículo.

O detido foi presente ao Tribunal de Esposende, que lhe ordenou, como medida de coação, o uso de pulseira eletrónica e proibição de se aproximar da residência da vítima, impondo uma distância de pelo menos 500 metros.

Em junho, o suspeito já tinha sido detido também por violência doméstica, tendo-lhe sido apreendidos três bastões e quatro armas brancas.

“Nessa ocasião, os militares presenciaram as ameaças de morte proferidas pelo suspeito contra a sua ex-cônjuge”, acrescenta o comunicado.