A Polícia Judiciária (PJ) da Guarda anunciou esta quarta-feira a detenção de um homem de 51 anos, suspeito da prática de crimes de recurso à prostituição de menores, violação, rapto e abuso sexual de criança.

O Departamento de Investigação Criminal da PJ da Guarda revelou, em comunicado, que o homem, mecânico de profissão, foi detido no âmbito de uma investigação realizada «em estreita colaboração» com as autoridades judiciárias junto do Tribunal Judicial de Mêda.

«Os crimes terão perdurado por vários anos», adiantou a PJ, segundo a qual o suspeito terá provocado «vítimas de diferentes idades».

O detido foi presente a tribunal para primeiro interrogatório judicial e ficou sujeito à medida de coação de prisão preventiva, acrescentou a PJ.