A Polícia Judiciária de Setúbal deteve um homem de 52 anos em S. Teotónio, concelho de Odemira, por tentativa de violação de uma turista australiana de 23 anos sob ameaça de uma navalha.

De acordo com a PJ, o presumível violador terá abordado a jovem australiana ao final da tarde do último sábado quando fazia um percurso apeado em zona de praias da Costa Vicentina.

A jovem australiana, que apresentou queixa na passada segunda-feira, conseguiu resistir e fugir, mas ainda foi atingida por uma pedra arremessada pelo agressor, refere a polícia.

Fonte da PJ de Setúbal disse à Lusa que o presumível agressor já tinha antecedentes criminais por violação e tentativas de violação na costa vicentina e também por abuso sexual de crianças em Portimão.

Em 2003, o suspeito, pescador de profissão, foi mesmo condenado a uma pena de 9 anos de prisão, tendo cumprido 7 anos e meio, pelo que estava em liberdade há cerca de dois anos.

Após a detenção, pela Polícia Judiciária, com a colaboração da GNR de S. Teotónio, o arguido foi presente ao tribunal de Odemira, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva, tendo recolhido ao Estabelecimento Prisional de Beja.