O Ministério Público (MP) acusou um homem de violar, em fevereiro, uma estudante universitária no Porto, depois de conseguir entrar em sua casa ao descerrar a fechadura, adiantou esta sexta-feira a Procuradoria-Geral Distrital do Porto.

Segundo a acusação do MP, citada na nota da procuradoria, o arguido, a 28 de fevereiro, entrou na casa da rapariga, uma estudante universitária em Erasmus no Porto, utilizando para o efeito uma chave falsa ou outro instrumento que lhe permitiu descerrar a fechadura.

Já no interior, abordou a vítima no quarto e forçou-a, sob ameaça de faca, a ter relações sexuais, referiu.

O arguido, em prisão preventiva – medida de coação mais gravosa - está acusado pelos crimes de violação e violação de domicílio.