A GNR deteve os dois alegados autores do assalto a um taxista, consumado em Vila Nova de Gaia durante a madrugada desta quinta-feira, anunciou o Comando Territorial do Porto daquela força policial, citado pela agência Lusa.

Os dois homens solicitaram os serviços do taxista no Porto e pediram para serem conduzidos a Arcozelo, Vila Nova de Gaia, onde concretizaram o assalto.

«Através de ameaça física/coação sobre o taxista, foram roubados três telemóveis (smartphones) e todo o dinheiro que possuía», detalha um comunicado da GNR.

Após o roubo, os assaltantes puseram-se em fuga, sendo posteriormente intercetados por militares do Núcleo de Investigação Criminal da GNR.

A GNR diz que os dois suspeitos - um de 32 anos e residente em Ermesinde, Valongo, e outro de 37 anos, morador em Gaia - foram reconhecidos pela vítima como autores do crime.