A escultura do memorial aos heróis da guerra das antigas colónias em Vila Nova de Cerveira, uma peça em bronze, foi furtada durante a madrugada de quarta-feira, informou hoje a autarquia, que apresentou queixa na GNR.

Em comunicado, a câmara de Vila Nova de Cerveira indica que está agora à espera dos resultados da investigação ao roubo da obra de bronze, da autoria de Manuel Sousa Pereira e instalada na avenida dos Heróis.

A câmara informa que está a ponderar a substituição da escultura, através da colaboração da Fundação Bienal de Cerveira, e está também a equacionar o recurso a material alternativo ao bronze, tendo em conta «sucessão de assaltos» que têm acontecido a objetos deste metal.

Também segundo a autarquia, as várias esculturas instaladas em espaços públicos do concelho terão agora «vigilância mais apertada».

O memorial foi inaugurado a 01 de outubro de 2008, sendo composto por um monumento em granito com os nomes dos habitantes de Vila Nova de Cerveira que participaram na guerra do ex-Ultramar, além da escultura roubada, em bronze.