A Câmara de Vila Franca de Xira decidiu que na sexta-feira será Dia de Luto Municipal para sexta-feira, em memória das vítimas do surto de legionella que afetou o concelho.

Segundo anunciou a autarquia, durante o dia de sexta-feira as bandeiras estarão a meia haste em todas as instalações do município.

A iniciativa foi aprovada por unanimidade na última reunião do executivo, presidido pelo socialista Alberto Mesquita.

Em comunicado enviado a junta de freguesia da Póvoa de Santa Iria e Forte da Casa, uma das mais afetadas pelo surto de legionella, refere que também se irá associar a esta homenagem.

Na mesma nota a autarquia refere, igualmente, que já tem disponíveis os serviços de apoio psicológico e de aconselhamento jurídico a funcionar «excecionalmente de forma alargada» para esta situação.

Devido a um inquérito em curso que corre no Ministério Público ainda não foi divulgado quem foi o responsável pela propagação do surto de legionella, que causou até ao momento oito mortes e infetou 331 pessoas, segundo os últimos dados da Direção Geral de Saúde (DGS).

A bactéria legionella provoca pneumonias graves e pode ser mortal.