Um grupo de três jovens é suspeito de ter agredido e amarrado a uma árvore um menor, há meio ano, em Vila Flor, no distrito de Bragança, informou a Polícia Judiciária (PJ), nesta terça-feira.

Os suspeitos com idades entre os 19 e 21 anos estão indiciados da prática dos crimes de sequestro e ofensas à integridade física qualificados, praticados em março, sobre um menor com quem estavam desavindos, segundo um comunicado divulgado.

De acordo com a PJ, “os suspeitos terão transportado o menor numa viatura para um local ermo numa zona florestal, onde o agrediram, ameaçaram com uma arma de paintball e, por fim, deixaram-no amarrado a uma árvore”.

“Passado algum tempo, a vítima conseguiu libertar-se das amarras que o prendiam à árvore e fugiu aos agressores para procurar ajuda”, consta ainda no comunicado.

Os arguidos, dois sem ocupação laboral e um estudante, vão ser presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.