As operações para recuperar o corpo do jovem de 28 anos desaparecido neste domingo no rio Adrão foram retomadas esta manhã, pelas 8:00 horas.

Segundo as autoridades presentes no local, o canoísta está a cerca de três metros de profundidade, numa zona de forte corrente. A força da água e o caudal tumultuoso têm sido os principais obstáculos dos 15 mergulhadores implicados nas operações.

O incidente aconteceu numa zona de serra da freguesia do Soajo, concelho de Arcos de Valdevez.

João Barbosa descia o rio Adrão na companhia de quatro outros canoítas. Por volta das 13:48 de domingo foi dado o alerta do desaparecimento depois do jovem ter sido surpreendido numa queda de água. Presidente da Juventude Socialista de Ponte de Barca, o jovem era também deputado do PS à Assembleia Municipal de Ponte da Barca.