O cadáver encontrado na quarta-feira na praia de Tagle, Espanha, é do português de 43 anos que estava desaparecido desde o naufrágio ao largo das Astúrias, avança a agência EFE.

Na mesma praia, foi encontrada uma mochila com documentos de um dos pescadores, cujo cadáver foi resgatado.

As operações de busca dos pescadores desaparecidos na sequência do naufrágio da embarcação de bandeira portuguesa «Santa Ana» foram ampliadas para a zona da Cantábria.

Nas operações de busca vai participar um helicóptero da Guarda Civil das Astúrias.

O naufrágio, ocorrido a 10 de março, causou seis mortos - três espanhóis, um português e dois indonésios.