Portugal está a braços com uma das secas mais graves de que há memória. Portugal está a entrar numa situação de seca extrema, a mais grave de todas.

Neste momento 70 por cento do país encontra-se em seca severa, o segundo nível mais grave da escala. E 5% já está em seca extrema, o risco máximo.

A ausência de chuva está a provocar prejuízos diários na agricultura; e há já mesmo casos no interior norte, onde começaram a ser os autotanques dos bombeiros a distribuir água. Mas nas aldeias de Bragança há dias em que a água já falta nas casas.