Um homem de 59 anos foi salvo esta tarde em Coimbra depois de o automóvel onde seguia ter caído ao rio Mondego.

O despiste ocorreu por volta das 17:00 em pleno centro da cidade.

A viatura, por razões que continuam por apurar, ultrapassou uma rampa de acesso ao rio e entrou na água.

O automóvel foi depois arrastado pela corrente ao longo de cem metros.

À chegada dos bombeiros ao local, o condutor, único ocupante do veículo, encontrava-se em hipotermia.

Foi resgatado, assistido na margem do rio pelos bombeiros e por uma equipa do INEM e encontra-se em estado grave.

O homem foi transportado para o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra.