Uma fábrica têxtil na Covilhã ficou esta quinta-feira «parcialmente destruída» na sequência de um fogo que deflagrou cerca das 10:43, disse à Lusa o Comando Distrital de Operações e Socorro (CDOS) de Castelo Branco.

De acordo com a mesma fonte, o incêndio foi dominado cerca das 11:15 e não provocou ferimentos em nenhum dos trabalhadores daquela estrutura localizada junto à Faculdade de Engenharia da Universidade da Beira Interior e que estava a laborar normalmente antes do incidente.

No local, ainda em operações de rescaldo, estão 35 bombeiros, apoiados por 11 veículos das corporações da Covilhã, Fundão, Belmonte, Idanha-a-Nova e Castelo Branco.

Já esta quinta de madrugada, um homem morreu num incêndio, seguido de explosão, numa habitação em Rio Tinto, concelho de Gondomar.