Um cidadão português com mais de 50 anos foi assassinado esta noite em Maputo, confirmou ao tvi24.pt o secretário de Estado das Comunidades, José Cesário.

Segundo explicou o governante, o português terá sido vítima de um assalto, mas as circunstâncias do crime estão ainda a ser investigadas. O homicídio ocorreu em casa, na zona da Costa do Sol, arredores de Maputo, e no local, foram detidos um homem, o guarda, e uma mulher.

O português era residente em Maputo «há vários anos» e «estava estabelecido com vários negócios». Foi assassinado na sequência de golpes de instrumentos contundentes desferidos pelos alegados autores do homicídio, de acordo com o canal privado STV.

O governante afirmou que vão agora ser realizadas as diligências para se repatriar o corpo para Portugal, em articulação com a família da vítima.

«Daremos o apoio possível e necessário», garantiu José Cesário.