A única juíza de instrução criminal do Círculo Judicial de Faro está de baixa e não há quem a substitua.

Mais de cem processos podem ficar parados e há julgamentos que correm o risco de vir a ser adiados ou repetidos.

Os tribunais afetados serão os das comarcas de Faro, Olhão, Tavira e Vila Real de Santo António.

Os problemas vão arrastar-se pelo menos um mês.