[Atualizada às 17:00]

Um cidadão alemão, com 40 anos, morreu esta terça-feira, na sequência de um salto de paraquedas, em Alvor, no Algarve. O acidente aconteceu ao início da tarde, perto do aeródromo da Penina, uma zona onde habitualmente se pratica este tipo de saltos.

O alerta foi dado às 12:54, adianta fonte do INEM.

Há ainda registo de um ferido ligeiro, com suspeitas de fratura de um membro inferior, mas resultante de um acidente ocorrido durante a manhã. Este ferido terá afirmado que «fez uma má aterragem e colocou mal o pé».

Segundo apurou a TVI no local, o cidadão alemão saltou com mais três pessoas e todos os quatro paraquedas abriram normalmente aos 1100 metros de altitude. Uma rotação mal calculada pela força do vento precipitou o paraquedista contra o solo, acabando por não resistir aos ferimentos.

As vítimas estavam a realizar treinos relacionados com o encontro anual de paraquedismo Skydive Algarve Spring Boogie, que arrancou no sábado naquele aeródromo.

Fonte da organização do evento disse tratar-se de um paraquedista experiente, com cerca de 400 saltos efetuados.

A queda do paraquedista deu-se na zona do Vale da Zorra, cerca das 13:00.

É o terceiro acidente mortal do género, em Portimão, no último ano e meio.

No local, estiveram os bombeiros de Lagoa, a GNR e o INEM, num total de cinco veículos e 10 operacionais.