Na plateia, a escutar Cristiano Ronaldo e a assistir à sua consagração como o melhor jogador do mundo esta segunda-feira em Zurique, na Suíça, estavam a namorada, a mãe e os irmãos. No palco, junto ao jogador, o filho.

Ronaldo quis que neste dia os que lhe são mais próximos partilhassem com ele a alegria do momento.

Ronaldo venceu a Bola de Ouro com 27,99%. Messi teve 24,72 e Ribéry 23,36%.

A histeria anunciou a chegada Cristiano Ronaldo à passadeira vermelha.

Mas, atrás do craque, outras estrelas estiveram na mira dos fotógrafos: a namorada Irina, o pequeno Cristiano Ronaldo que acompanhou o pai do início ao fim.

N a plateia, o clã Aveiro esteve em peso.

A mãe Dolores, o irmão e as duas irmãs, Katia e Elma.

E foi à família que Cristiano Ronaldo dedicou, de lágrimas nos olhos, o troféu de melhor jogador do mundo, a sua segunda Bola de Ouro.