A GNR de Viana do Castelo informou hoje que identificou um sexagenário suspeito da prática de um crime de violência doméstica e que tinha na sua posse uma arma de fogo e mais de uma centena de munições.

Segundo fonte daquela força policial, a operação foi desencadeada ao final da tarde de segunda-feira, na freguesia de Torre, no concelho de Viana do Castelo, e envolveu a emissão de dois mandados de busca, na residência do suspeito, de 67 anos, e numa empresa da mesma localidade.

A investigação da GNR, precisou a mesma fonte, incide sobre «vários crimes», nomeadamente o de violência doméstica, em que o homem é suspeito.

Durante a operação, os militares daquela força policial apreenderam uma arma de fogo de calibre 6,35 milímetros e 150 munições para a mesma, tendo constituído o homem como arguido neste processo.