Há um novo caso de viagens pagas a funcionários do Governo, desta vez a envolver a empresa Oracle. Um caso que rapidamente teve consequências: a Ministra da Administração Interna decidiu abrir um inquérito para averiguar.

Na sequência das notícias vindas a público sobre a alegada participação de um funcionário da Secretaria-Geral da Administração Interna num evento, nos Estados Unidos da América, financiado por uma empresa privada, a Ministra da Administração Interna determinou à Inspeção Geral da Administração Interna a abertura de um Inquérito com vista ao apuramento de todas as circunstâncias relativas a tal participação".

Numa nota enviada às redações, o MAI adianta que "determinou igualmente que o Inquérito, que deverá estar concluído no prazo de 30 dias, seja alargado às viagens pagas por entidades privadas a funcionários de todos os serviços tutelados pelo Ministério da Administração Interna".

O Observador noticiou que, entre 28 de setembro e 2 de outubro de 2014, cinco altos funcionários do Estado, ligados aos ministérios da Segurança Social, Finanças, Administração Interna e Saúde, viajaram para São Francisco, nos Estados Unidos, para participar no evento mundial do gigante tecnológico norte-americano Oracle.

As despesas, desde as entradas para o evento, a estadia e os bilhetes para um concerto dos Aerosmith, tudo foi à borla, pago por empresas parceiras e pela própria Oracle.

Antes deste caso se tornar público, outros dois rebentaram, envolvendo altos quadros do Estado:

  • o das viagens que a Galp pagou a secretários de Estado para irem ver jogos do Euro 2016, há mais de um ano, e que só há pouco tempo provocou baixas no Governo. Três secretários de Estado (Indústria, Internacionalização e Assuntos Fiscais) foram constituídos arguidos pelo Ministério Público;
  • e o caso das viagens pagas pela NOS, parceira da Huawei em Portugal, a altos quadros da saúde, que visitaram o hospital de Zhang Zhou, considerado uma referência internacional, e a sede da Huawei, em Shenzhen, onde foram organizados vários workshops sobre as mais recentes inovações tecnológicas na área da saúde.